Blogs e ColunasNotíciasPassarinho Azul Semeador

O micro momento positivo

Esta crônica foi escrita movida por imenso e sincero desejo de contribuir singelamente, em busca de um bálsamo simples, suave e perfumado, ao nosso alcance, que possa amenizar os dias tormentosos que temos vivenciado nestes tempos de pandemia, Covid-19, UTIs e CTIs.

Em um momento de 2020, durante o período desta brutal pandemia, quando a UFLA estava em lockdown total (trancada), fui surpreendido agradavelmente por um convite da Prograd/UFLA (Pró-Reitoria de Graduação da Universidade Federal de Lavras), que informava a toda nossa comunidade universitária, sobre a recente parceria participativa: “Programa UFLA-Coursera” (Coursera é uma conceituada empresa de Tecnologia Educacional, com sede em Mountain View, Estados Unidos).

Esta parceria permitiria cursar gratuitamente a distância (EAD) e em inglês, um elenco de cursos moderníssimos, enquanto aguardávamos o retorno à normalidade acadêmica (o quê não aconteceu, infelizmente, até o presente momento). Nestes termos, cada professor poderia matricular-se em até cinco cursos diferentes.

Foi o que fiz com muita curiosidade e imensa disposição, afinal, vivenciar novidades e praticar inglês gratuitamente, era bom demais para ser verdade. E foi realidade em altíssimo nível. Gratidão, Prograd/UFLA!! E tomara que repitam a experiência exitosa. 

Cursei em sequência:
Presentation skills: Speechwriting and Storytelling;
Introduction to Communication Science;
Introduction to Psychology;
*Positive Psychology;
Foundations of Everyday Leadership; 

Mas um deles, marcaria-me de maneira contundente, neste tipo de experiência inovadora. Simplesmente fantástico!! Magnífico!!

Foi o de “Positive Psychology” (*Psicologia Positiva).
Um curso ideal para os dias de angústia que temos vivenciado.
Cheguei a esta conclusão, quando estudamos o item da ementa, denominado: “Micro momento positivo“, assunto que motivou esta crônica. 

Acontece que, cotidianamente, estamos envolvidos com tantas coisas, há tantos compromissos a serem cumpridos, estamos tão ocupados, tão atarefados, que não percebemos minúsculos, porém maravilhosos eventos que ocorrem em nossa volta. Não temos mais tempo para nada, muito menos para captar alguma coisa boa, que às vezes de tão simples, passa batida…E agora, em tempos de pandemia, esta percepção desapareceu de vez… 

Nunca estivemos tão grudados às redes sociais, absorvidos por inutilidades que buscamos como distração, para aliviar nossas tensões e angustias internas. E a explosão das fake news, detonou sub-repticiamente nossa capacidade de perceber que há coisas boas ocorrendo também, apesar dos eventos ruins à nossa volta. 

Está até difícil desligar o celular, com medo de termos de encarar o mundo real. Alienação mental geral e irrestrita…já!!
Parece que vivenciamos um romance lisérgico, feito de gotas de uma realidade aumentada, às vezes muito interessante, e no átimo seguinte, absolutamente fútil, inútil e desprezível. 

Não é à toa que Regina Navarro Lins, afirmou:
“Numa cultura em que sofrimento é virtude, não é de se estranhar a falta de ousadia em se viver feliz de forma verdadeiramente prazerosa. A felicidade e a alegria são vistas como alienação, ao contrário da angústia existencial, que é respeitada”. 

Mas, Fernando Pessoa, também, afirmou:
“O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis”. 

Peço licença ao escritor, para destacar:
Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis”.
O sol da manhã tocando a face;
Contemplar o céu azul e as nuvens brancas;
Apreciar a lua e as estrelas;
Sentir a brisa roçando o corpo;
Tomar um copo de água fresca, um chazinho quentinho;
Perceber o silêncio eventual;
Olhar objetivamente para as plantas, os pássaros e mesmo os insetos; Enfim, parar, olhar e absorver os jardins, por um minuto…
Ouvir música clássica, música suave e música romântica;
Fazer uma oração de gratidão murmurada;
Amar a natureza, os biomas, a biodiversidade e os eco sistemas, admirando seus animais, árvores, folhas, flores e frutos; 

Você prezad@ leitor@, pode começar a entender a proposta do “Micro Momento Positivo“, ao acrescentar itens na listagem iniciada acima. Fique à vontade para interagir.
Exemplo: Tenho do lado de fora, na projeção da janela do meu quarto, um toco de árvore seca, que sustenta vasos com flores. No meio deste toco, uma mamangava fez seu ninho e é um entra e sai contínuos. 

Exatamente nestes momentos, quando estou deitado para a siesta, logo após o almoço, ouço claramente o zumbido do inseto: Zzóóóóóónnn…..ou para entrar ou sair do ninho. Dura menos de dez segundos, mas é de uma sonoridade tão agradável, que parece celestial!! Que delícia de micro momento positivo. Gratidão pela mamangava!! 

O Micro Momento Positivo é um instante absolutamente inesperado, que ocorre espontaneamente, sem nenhuma provocação prévia e é extremamente agradável pela sua delicadeza e simplicidade.
O curso objetiva o treinamento das percepções sensoriais (ver, ouvir, cheirar, degustar e tocar) para perceber, captar e identificar imediatamente a ocorrência deste micro momento, e desfrutar dele, por mais rápido e singelo que possa ter sido. 

Mas é fundamental, ou seja, muito importante, importantíssimo, que logo após perceber, captar e identificar o micro momento positivo, SER AGRADECIDO pela sua ocorrência.
Demonstre plena gratidão por ele ter ocorrido em sua vida. 

As ocorrências transcendentais, aquelas além dos cinco sentidos humanos, também podem e devem ser incluídas neste processo de positividade, com gratidão.
Assim, o pensamento, a inspiração e a voz interior espontânea e imaterial, se forem dignas de serem agradecidas, faça-o com júbilo.
Até mesmo um sonho, pode ser micro momento positivo. 

Curioso é que, se identificarmos três micro momentos positivos para cada momento negativo, nosso equilíbrio emocional estará sustentado para o enfrentarmos. Assim, o momento negativo pode ser qualquer, macro, duradouro e intenso. O que pode ser micro é o positivo, e se forem no mínimo três, vitória sobre o macro negativo…

Meu modesto argumento pró “Micro Momento Positivo“:
Por maior que seja a escuridão (macro negativo), um minúsculo filete de luz (micro positivo) põe aquela para correr, ou no caso, desaparecer“. Gostaram??!! 

Se vocês entenderem a proposta, identificarem e desfrutarem os seus próprios momentos simples individualizados, a ponto de os considerarem gotas de bálsamo suaves e tonificantes, que os ajudem a navegar nas águas revoltas dos dias atuais (e vindouros, infelizmente) Então terei tido sucesso em meus objetivos sustentáveis de solidariedade e fraternidade, conforme visão socioambiental de Ralph Waldo Emerson:
Rir muito e com frequência, ganhar o respeito de pessoas inteligentes e o afeto das crianças; merecer a consideração de críticos honestos e suportar a traição de falsos amigos; apreciar a beleza, encontrar o melhor nos outros; deixar o mundo um pouco melhor, seja por uma saudável criança, um canteiro de jardim, ou uma redimida condição social.
Saber que ao menos uma vida respirou mais fácil porque você viveu. Isso é ter tido sucesso”. (O grifo é meu). 

Para falar a verdade, já andava meio desconfiado destas possibilidades, tanto é que em 1996, durante o culto ecumênico comemorativo do aniversário da UFLA, apresentei oficialmente a proposta de criação da disciplina “Tornar-se Pessoa“, para os seus cursos de graduação e pós graduação. 

Na proposta, após exposição de motivos, concluí:
“…e baseado no ideal dos fundadores, e no que foi exposto, é que proponho a criação da disciplina “Tornar- se Pessoa” na UFLA e em todas as universidades brasileiras. Esta disciplina trataria dos sentimentos dos alunos, visando ao despertar dos valores mais profundos do espírito humano, de tal forma, que, quando se formassem, levassem todo o conhecimento tecnológico disponível e também a noção de que somos células de um imenso organismo, e portanto, estamos todos interligados material e afetivamente.
Proponho que a UFLA seja corajosa, pioneira, e assuma a postura de difusora da esperança aliada à ciências…”. 

A presente proposta, foi relançada agora em 2021, no curso a distância de que estou participando como ouvinte, ofertado pelo Setor de Capacitação e Avaliação/CDP/PRGDP/UFLA:
O Desafio de Viver Feliz: Fundamentos da Psicologia Positiva“. 

Sugestão:
Interessem-se pelo tema “Psicologia Positiva“. Saiam da web enquanto ainda não viraram idiotas úteis (alienados e imbecis).
Conheçam a Agroecologia e suas propostas de Tecnologias Socioambientais Sustentáveis. Há muita vida lá fora…
Encontrem seus Micro Momentos Positivos e desfrutem deles. 

Ajudem a proteger nossos Biomas e Biodiversidades, tomando como referência esta criança:
Nos campos e nas matas, os animais não poluem; os homens, sim!!
Por favor, comportem-se como animais”. AD. 

Encerro com o mestre Paulo Freire:
“Sonho não é coisa de maluco. Sonho é coisa de quem vive e de quem existe. Existir é mais do que viver e sonhar, é uma necessidade humana: sonhar com um projeto de vida”.

(Nota Final: Todas as flores são do meu jardim residencial)

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios