EconomiaLavrasNotíciasSaúde

Comércio reaberto, alívio ou preocupação?

Com o comércio reaberto, alívio ou preocupação? esta pergunta faz parte do dia a dia de comerciantes e clientes

Com o comércio reaberto em Lavras, encontramos um fluxo maior de pessoas pelas ruas, o alívio de um lado contrasta com a preocupação do outro, pois se de um lado empregos são garantidos, do outro o risco de um aumento dos casos de contaminação podem ocorrer. Para diminuir os riscos foram tomadas várias medidas como o uso de máscara de proteção, o descumprimento desta e outras determinações implicaram em multa.

A partir desta, quarta-feira, dia 22, com o comércio reaberto em Lavras, o uso de máscaras passa a ser obrigatório para quem trabalha no comércio e para clientes, a obrigatoriedade se deve ao decreto municipal publicado na edição extra do Diário Oficial do Município (DOM) desta terça-feira, 21/04. Quem não acatar a determinação será penalizado com multas.

Atendimento interno em loja. Fotos: Fotos e Fatos

Decreto autoriza abertura, mas medidas de proteção para lojistas e clientes devem ser atendidas

De acordo com decreto, a medida é válida para todo espaço público da cidade, transporte coletivo e para os estabelecimentos comerciais. As lojas terão que afixar cartazes informando sobre como usar a máscara e o número de clientes permitidos ao mesmo tempo no local, para evitar aglomeração, além da Declaração de Ciência e Responsabilidade, última página do documento anexo Diário Oficial do Município (DOM).

Campanha Jornal A Gazeta de Lavras Todos contra o COVID-19Fiscalização

A fiscalização será feita pelos próprios comerciantes, que deverão impedir quem queira entrar sem usar a máscara, isso porque a penalização será para o comerciante. O comércio deve fornecer álcool em gel na entrada e na saída, também pode fornecer as máscaras.

No estado

Em nível de estado, na semana passada o governador Romeu Zema sancionou lei que obriga a utilização de máscaras em todo o estado, por comerciantes, profissionais que prestam atendimento ao público em órgãos e entidades públicas, nos sistemas penitenciário e socioeducativo, nos estabelecimentos comerciais, industriais, bancários, rodoviários e metroviários, nas instituições de acolhimento de idosos, nas lotéricas e nos serviços de transporte público e privado de passageiros.

Publicidade

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios